Sexta-feira, 18 de Setembro de 2009

És activo ou passivo?!

Haverá pergunta mais recorrente e mais frequente nas conversas entre homossexuais?!

E até que ponto esta pergunta e consequente resposta não inviabiliza que pessoas se conheçam?

Será que esta segmentação entre activos e passivos não é um pouco levada ao extremo, ou será que é mesmo impossível dois gays que se dizem "Só activos" ou "Só passivos", terem qualquer tipo de relacionamento?

 

Até que ponto é esta pergunta importante?

 


publicado por Ruy A... às 15:53
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De Silvestre a 18 de Setembro de 2009 às 16:18
Por muito que se tente negar muito gays limitam-se a reproduzir o modelo heterossexual de sexualidade em que há penetração. Isso cooresponde apenas a um papel numa prática sexual e o sexo é muito mais do que isso. Para quem tem imaginação e gosta de dar e receber orazer penso que isso poderá acabar por não ser assim tão importante. Conheci diversos casos em que dois activos mantiveram uma relação de parceria sexual sem que houvesse sexo anal. E viveram felizes.


De Me, myself & I a 18 de Setembro de 2009 às 18:01
Ora nem mais...é ridiculo. Sem interesse. Para mim qd numa conversa surge semelhante pergunta, descamba logo tudo...


De pinguim a 18 de Setembro de 2009 às 18:03
A penetração anal nunca poderá ser vista como objectivo final de uma relação sexual, mesmo que fortuita. É apenas mais uma perspectiva de variadas formas de se atingir o orgasmo.
E, num relacionamento estável, o facto de ambos serem passivos ou activos, também não será um obstáculo impossível de ultrapassar, pois entre duas pessoas que se amam, uma primeira experiência diferente surge mais como um atractivo do que o contrário.
Esta é apenas a minha opinião, mas o assunto é muito interessante.
Abraço.


De André! a 19 de Setembro de 2009 às 00:05
Não acho a pergunta importante. Não tenho qualquer tipo de experiência sexual mas concordo com as palavras do Pinguim. Gostei da imagem do beliche para este post xD
Abraço


De Philip a 19 de Setembro de 2009 às 11:44
Aparentemente é muito importante, porque se tu não fores ou passivo ou activo, a outra pessoa pode ignorar-te.

Em portugal, ser-se gay está ligado à queca...


De B. a 19 de Setembro de 2009 às 14:17
Olá Passei aqui por acaso e vou te dar a minha mais sincera opinião.

Claro que num relacionamento gay tem de haver um mais activo ou passivo.

Eu Explico:

1º Dois activos podem se amar mas onde ambos não gostam de ser penetrados. Ao final de algum tempo (depende de cada um), uma semana, um mês, um ano não mais abrem a relação a um terceiro. Quantas relações abertas conheces? Eu já perdi a conta. Muitas mesmo.

2º Dois Passivos, pois meu querido abre-se guerra pois a concorrência é desleal. Conheces o termo "Passivonas", dois passivos na cama e um jornal.

3ª Entras nos versárteis. Mais uma coisa, mais de outra coisa. No fundo a ideal, a melhor de todas pelo motivo: Chegas a casa e não sabes se és o comido ou se vais comer.

4ª Há quem goste de penetrar uma vez por semana, uma vez por mês, uma vez por ano. Somos todos homens e temos essa necessidade básica.

5ª Importante é que as pessoas estejam bem e que haja comunicação dentro do casal, porque doenças é o que não falta por aí....

Abraço e Sucessos
Bernardo



Comentar post

.E-mail me

ruy_angel@sapo.pt

.posts recentes

. João M. para Miguel Vieir...

. DSECTION Magazine

. Adoro!

. WC freaks

. New Guilty Pleasure 2

. Back again!

. New Guilty Pleasure

. Foo Fighters

. Paradise

. Gay vs Straight

.últ. comentários

Apesar de a cidade de Braga ser um bom bocado maio...
ola,desculpa-me mas tinha umas préguntas,hà lesbie...
Há um bar gay em Braga. O BEBEDERU'S BAR junto do ...
Andas desaparecido...
Lindo tudo de bom este cara!!!
Em suma, que se foda a moda.. tu queres é ver as i...
Parece ser um projecto interessante.Obrigado pela ...
Mas quem não adora? Só se for parvo...
vem... 19 de Março Coliseu Portoo último album é d...
Hum Feist também claro, mas ainda não tinha ouvido...

.links